Fale conosco, estamos on-line!
FALE COM A ARQUITETA SHEILA.

OS BENEFÍCIOS DAS FONTES DE ÁGUA DECORATIVAS.

A água é um elemento de extrema importância em nossas vidas. Mais do que isso! Ela é a própria vida, visto que, sem ela, não existe nada. No organismo humano, ela representa 70% de nosso corpo.
No planeta Terra, ela está, também presente, em 70% da superfície terrestre, enquanto o continente representa 30%.
Portanto, ela é vital para o ser humano, assim como, em todo o mundo animal e vegetal.
Sendo assim, a antiga arte milenar chinesa, Feng Shui, observando a sua importância, concluiu sabiamente que esse elemento traz muitos benefícios quando levado aos nossos lares. Seja em forma de rios, fontes e até mesmo, quadros com imagens de água em movimento.
As fontes decorativas são uma excelente opção de elemento decorativo, pois o som da água, antes de mais nada, é um calmante natural. Ela purifica o ambiente, atrai prosperidade e energiza.
O lugar ideal para ficar é na entrada de casa ou recepção do escritório.
Quando aplicar o Baguá, na área do trabalho, é muito bom uma fonte decorativa para ativar esse setor da sua vida.
As fontes atraem energias positivas, renova , traz a harmonia, porque ajuda a circulação dessa energia na casa.
Atrai e potencializa a luz natural, quando colocada perto de uma janela ou porta. Ela funciona como um prisma, refletindo a luminosidade.
Além disso, refresca o ambiente, por conta de suas partículas que evaporam e trazem mais umidade, neutralizando os poluentes externos ou mesmo fumaça de cigarro.
Uma boa ideia é, colocar uma bonita planta perto da fonte, para criar um cenário mais atraente ainda e perfeito aos olhos.
Espero que tenham gostado desse post.
Namastê.
Arq. Sheila.

COMO APLICAR O BAGUÁ NA PLANTA DE CASA.

Em tempos muito difíceis, com notícias diárias de violência e corrupção, ficamos com uma sensação de impotência, sem saber como agir, para que lado correr e como lidar com tudo isso.
Pois bem, primeiramente, devemos todos orar, independente de crença religiosa. A oração coletiva traz, com certeza, a vinda das energias da luz. Precisamos pedir paz ao Brasil e ao Mundo. Precisamos, antes de mais nada, pedir a vitória do bem contra o mal. Pois essa luta é constante e visível nos dias atuais.
Sendo assim, além das orações, vamos tentar nos energizar, corpo e alma. Vamos energizar positivamente nossos lares, onde buscamos a paz e proteção. Todos fazendo dessa forma, o campo magnético de luz aumentará e se fortalecerá para todos.
Em casa, a primeira providência é aplicar o Baguá, adaptado ao Hemisfério Sul. Descobrir onde está o Norte, com o auxílio de uma bússola e após essa informação, é só situar o Baguá em cima da planta.



Baguá adaptado para o hemisfério sul, onde está o Brasil.




Situando o Baguá em cima da planta baixa.
Essa sobreposição mostrará onde estará cada setor da casa.





Dessa forma, você descobrirá cada setor da casa e como ativar cada uma com os elementos certos.
A área da prosperidade está explicada no post, cujo link, segue abaixo.


Aprenda mais como aplicar o baguá em:






Muita luz a todos.
Namastê.
Arq. Sheila.




FENG SHUI. Parte 1.

O Feng Shui ou radiestesia chinesa é a ciência que procura determinar o comportamento energético do homem em relação ao meio em que vive, em especial sua casa, seu escritório, a posição dos móveis, o tipo de decoração, as influências da disposição destes no equilíbrio energético em que se encontram os moradores da casa.
O simples fato de mudar alguns móveis do lugar, a posição da cama, a combinação de cores de móveis, distribuir a decoração de outra forma ou mudar a combinação das cores da decoração e dos enfeites, trocar as cores do seu revestimento e mudar as cores das paredes pode ser muito positivo e diminuir de fato muitos inconvenientes aos moradores dessa casa como: problemas econômicos, problemas de relacionamento, problemas no casamento e até problemas de saúde, que de uma certa forma podem ser atribuídos à casa quando são ignorados os princípios do Feng Shui.
Outros fatores que podem influenciar positiva ou negativamente uma casa e seus moradores são: a localização da casa, sua posição no bairro; o ambiente criado pela posição das construções vizinhas ou da própria natureza como vales, colinas, rios ou estradas que a cercam e que podem canalizar ou afastar o fluxo das energias vitais do "Sha" na direção da casa.
Fonte: Feng Shui
Para Harmonizar Seu Lar e Sua Vida.
Pier Campadello








FENG SHUI Parte 2.

Continuando a falar sobre o Feng Shui, para quem não leu o post Feng Shui parte 1, recomendo ir lá e depois voltar aqui.
Na visão energética dos ancestrais, a energia Ch'i, que é a energia vital também chamada de prana e mais recentemente de orgone (segundo William Reich), está presente no universo, manifestando-se em tudo e em todos e circula em constante polaridade ativa do Céu para a Terra, sendo chamada de yang, e da Terra para o Céu é chamada de yin, circulando no homem através de canais conhecidos como meridianos. Estando esse fluxo em equilíbrio no homem, sua mente-emoção em harmonia, ele se encontra saudável. Caso contrário, havendo desequilíbrio nesse sistema, bloqueando a livre circulação dessa energia, pode ocasionar as moléstias, provindas do excesso ou da falta dessa energia, provocando as doenças.
De acordo com os antigos sábios, o universo, está em constante movimento e a energia é transmitida através de invisíveis linhas de força, chamadas por alguns povos de "linhas lei", yang, quando ativa, masculina, positiva, luminosa e yin, quando passiva, feminina, negativa e sombria. Para detectá-las, os chineses inventaram um instrumento parecido com a bússola magnética, chamado de "luopan", que aponta sempre para o sul, indicando que o fluxo Ch'i circula desde o sul, pelo fato da China estar no hemisfério norte; no caso do Brasil, que se situa no hemisfério sul, o fluxo da energia Ch'i vem do norte.
As duas forças yin e yang não eram consideradas opostas mas sim complementares.
Nas construções todos os elementos devem ser considerados, por um especialista em radiestesia, desde a escolha do terreno, para as correções necessárias , para aumentar o potencial energético do ambiente.
Muitas determinações feitas pelo especialista, podem ajudar a vida dos moradores, como sua saúde, prosperidade e relacionamentos, medidas como as dimensões da casa, por exemplo,que seguem um padrão de proporcionalidade. Uma casa deve manter sua planta arquitetônica com a proporção de 2,5 entre a largura e o comprimento. Por exemplo: para 6 metros de largura temos 15 metros de comprimento.
O Feng Shui, assim como a radiestesia, podem ser consideradas como uma habilidade de sentir certas radiações cuja natureza ainda está no campo teórico, mas que se manifesta nos homens de uma forma tão pessoal, que fica difícil falar sobre ela.
Podemos considerar o Feng Shui e a radiestesia como arte instintiva que pertencem ao domínio da psicologia, psicofisiologia e geobiologia, podendo ser definida como: " a sensibilidade natural que apresentam a maioria das pessoas à diversas frequências, radiações e ondas energéticas".
Hoje em dia muitos adotaram os princípios geomânticos da radiestesia ou do Feng Shui para transformar suas casas poluídas energeticamente em casas saudáveis.

Fonte: Feng Shui
Para Harmonizar Seu Lar e Sua Vida.
Pier Campadello.
Acompanhem as postagens sobre Feng Shui aqui no Blog.
Logo teremos parte 3.
Abraços.
Arq. Sheila










FENG SHUI Parte 2.

Continuando a falar sobre o Feng Shui, para quem não leu o post Feng Shui parte 1, recomendo ir lá e depois voltar aqui.
Na visão energética dos ancestrais, a energia Ch'i, que é a energia vital também chamada de prana e mais recentemente de orgone (segundo William Reich), está presente no universo, manifestando-se em tudo e em todos e circula em constante polaridade ativa do Céu para a Terra, sendo chamada de yang, e da Terra para o Céu é chamada de yin, circulando no homem através de canais conhecidos como meridianos. Estando esse fluxo em equilíbrio no homem, sua mente-emoção em harmonia, ele se encontra saudável. Caso contrário, havendo desequilíbrio nesse sistema, bloqueando a livre circulação dessa energia, pode ocasionar as moléstias, provindas do excesso ou da falta dessa energia, provocando as doenças.
De acordo com os antigos sábios, o universo, está em constante movimento e a energia é transmitida através de invisíveis linhas de força, chamadas por alguns povos de "linhas lei", yang, quando ativa, masculina, positiva, luminosa e yin, quando passiva, feminina, negativa e sombria. Para detectá-las, os chineses inventaram um instrumento parecido com a bússola magnética, chamado de "luopan", que aponta sempre para o sul, indicando que o fluxo Ch'i circula desde o sul, pelo fato da China estar no hemisfério norte; no caso do Brasil, que se situa no hemisfério sul, o fluxo da energia Ch'i vem do norte.
As duas forças yin e yang não eram consideradas opostas mas sim complementares.
Nas construções todos os elementos devem ser considerados, por um especialista em radiestesia, desde a escolha do terreno, para as correções necessárias , para aumentar o potencial energético do ambiente.
Muitas determinações feitas pelo especialista, podem ajudar a vida dos moradores, como sua saúde, prosperidade e relacionamentos, medidas como as dimensões da casa, por exemplo,que seguem um padrão de proporcionalidade. Uma casa deve manter sua planta arquitetônica com a proporção de 2,5 entre a largura e o comprimento. Por exemplo: para 6 metros de largura temos 15 metros de comprimento.
O Feng Shui, assim como a radiestesia, podem ser consideradas como uma habilidade de sentir certas radiações cuja natureza ainda está no campo teórico, mas que se manifesta nos homens de uma forma tão pessoal, que fica difícil falar sobre ela.
Podemos considerar o Feng Shui e a radiestesia como arte instintiva que pertencem ao domínio da psicologia, psicofisiologia e geobiologia, podendo ser definida como: " a sensibilidade natural que apresentam a maioria das pessoas à diversas frequências, radiações e ondas energéticas".
Hoje em dia muitos adotaram os princípios geomânticos da radiestesia ou do Feng Shui para transformar suas casas poluídas energeticamente em casas saudáveis.

Fonte: Feng Shui
Para Harmonizar Seu Lar e Sua Vida.
Pier Campadello.
Acompanhem as postagens sobre Feng Shui aqui no Blog.
Logo teremos parte 3.
Abraços.
Arq. Sheila










FENG SHUI. Como ativar a área da prosperidade em casa.

O Feng Shui ensina como ativar a área da prosperidade em casa com elementos e uma decoração bem agradável.
A área correspondente é a nordeste. O sol bate às  9:30h da manhã. Verifique onde isso ocorre em sua casa.
Alguns dispositivos podem ser acrescentados ao ambiente, favorecendo a boa circulação da energia Ch'i trazendo mais prosperidade aos moradores da residência, são eles:

Primeiramente, descarte objetos que estão sem uso e guardados em algum cômodo. Eles impedem a boa circulação da energia positiva. Além disso, muitos objetos e roupas sem importância para você, podem ter utilidade para outra pessoa, não é verdade?

Atenção à sala de jantar. Ative esse ambiente com objetos que atraiam a prosperidade, como um pote com moedas, quatzo verde, quartzo rosa, objetos dourados, ametista, um bom azeite e uma boa garrafa de vinho. Espelhos, quadros alegres, cores quentes na decoração e uma luz apropriada, também são bem vindos.

Na área da prosperidade devemos colocar, plantas vivas, com folhas arredondadas e exuberantes.
As cores indicadas são, ameixa profundo, fúcsia, violeta, púrpura e vermelho.
As pedras: Olho de Tigre, Aventurina Verde, Amazonita.
Objetos de valor: moedas e cristais lapidados. Tudo que dá ideia de riqueza. Sinos de vento. Água em movimento, por exemplo, fontes e fotos de cachoeiras.
Também é recomendado criar uma frase para essa área, como: "eu sou capaz de atrair prosperidade e sucesso"...

Vejam mais sobre o assunto com a especialista em Feng Shui, Stela Vecchi, no link abaixo.
Namastê.
Arq. Sheila.

Dicas para prosperidade material. Stela Vecchi.




Imagem retirada da internet.




COMO DECORAR A ENTRADA DE CASA DE ACORDO COM O FENG SHUI.

A entrada de casa é muito importante. Tudo deve ser avaliado com cuidado para o favorecimento da circulação da energia Ch'i e desviar a negativa Sha.
O sino do vento deve ser localizado acima da porta da entrada principal da casa, do lado de fora ou dentro dela.
O Baguá é um elemento importante, pois afasta a energia negativa.
A turmalina negra à esquerda da porta, para também cumprir a mesma função de repelir a negatividade.
Uma planta acolhedora, como a Areca, por exemplo.
A iluminação é de fundamental importância. Deve deixar a porta bem visível e iluminada.
Vejam mais sobre o assunto no link abaixo nesse vídeo da especialista em Feng Shui, Stela Vecchi.

Feng Shui na porta de entrada.

Namastê.
Arq Sheila.






AS PLANTAS QUE ATRAEM AS BOAS ENERGIAS PARA A SUA CASA.

As plantas que devemos ter em casa para proteger o ambiente e os moradores, atraindo a energia positiva e repelindo a negativa.



Em geral as plantas purificam os espaços onde estão inseridas. Além disso, algumas delas, tem funções de proteção, absorção de energia negativa e favorecimento da energia positiva.
Vejam abaixo a relação de alguns exemplos:

INTERIORES.

Orquídeas - Devem ser colocadas na área do relacionamento, de acordo com o Baguá, do Feng Shui.
A energia da Orquídea é feminina, portanto, suaviza esse local.


Comigo- Ninguém-Pode (Dieffenbachia pictada)- Arma poderosa contra o mal olhado. Ideal para ser colocada na entrada de casa, pois protege contra visitas indesejadas, invasores e cobiça. Protege contra a inveja. Atrai boas energias. Porém, muita cautela ao colocar essa planta dentro de casa, pois ela é tóxica, não pode ser ingerida, então, em lugares onde existem crianças pequenas e animais domésticos circulando, não é recomendada.


Café de Salão- Retira a energia nociva dos ambientes.


Crótons (Codiaeum variegatum)

Antúrio (Anthurium)


Areca - É um tipo de Palmeira. São plantas de acolhimento e ideais para a porta de entrada da casa.



EXTERIORES.

Espada de São Jorge- Ideal para ficar na área externa da casa, de preferência ao Norte. Também afasta o mal olhado, porém por ter uma energia excessiva, não é aconselhável que fique no interior da residência.



Tuia (Thuja occidentalis)- Precisam de sol.




 Coníferas- Precisam de sol.


 Bambus- Precisam de sol em abundância.


Kaisuca - Consideradas de grande proteção.








Imagens tiradas da internet.

Espero que tenham gostado desse post.
Namastê.
Arq. Sheila.















ATRAIA PROSPERIDADE, RIQUEZA E SUCESSO USANDO O FENG SHUI EM CASA.

Dinheiro não é o mais importante. Todos nós concordamos. Porém, nesse plano, sabemos que sem ele não fazemos absolutamente nada. Precisamos, apesar de saber ser importante, ter a a consciência de que ele não deve governar nossa vida e ser reconhecido apenas como necessidade.
Porém, o sucesso profissional e a prosperidade, não somente financeira, bem como, em todos os setores de nossas vidas, devem ser encarados como uma benção que nos é concedida quando trabalhamos em algo que amamos e usamos nosso conhecimento em prol da sociedade. É dessa forma que traremos uma vida financeira saudável e muita sorte.
Sendo assim, podemos também ajudar o transcorrer dos acontecimentos facilitando a boa circulação da energia Ch'i em nossos lares. Afinal, é em nossas casas que nos abrigamos e passamos a maior parte de nossas vidas. É preciso que esse ambiente esteja saudável, agradável aos olhos e prazeroso.
O Feng Shui além de ser uma ciência praticada desde os antigos milênios pelos chineses, é também uma questão de sensibilidade e bom senso. Muitos ambientes nos trazem a sensação de bem estar assim que entramos, assim como o contrário, também ocorre. Portanto, é preciso, antes de mais nada, parar, olhar e sentir o ambiente em volta.
Hoje as dicas são relacionadas à prosperidade.
A porta de entrada é um dos pontos importantes a ser trabalhado, é por ela que entra tudo, inclusive a riqueza. A água é o símbolo da abundância e deve estar presente nesse lugar da casa. Isso pode acontecer através de fontes decorativas, aquários e até mesmo quadros com imagens de lagos, rios, mares, cachoeiras, etc.
A numeração da casa deve estar bem identificada.
Coloque um sino do vento na porta de entrada, assim ele tocará ao entrarmos e trará boas vibrações ao nosso lar.
Na cozinha o fogão deve estar limpo e nada de lixeira por perto dele.
A mesa de jantar também deve ter um tratamento especial, com um arranjo de flores vermelhas. Um espelho na parede dessa sala dobrará a prosperidade.
Evolua e seja feliz!!
Namastê!
Arq. Sheila.


Leia mais sobre Feng Shui em:

FENG SHUI PARTE 1

FENG SHUI PARTE 2

FENG SHUI PARTE 3

FENG SHUI PARTE 4

As flores sairam diretamente do jardim para o vaso.


Além de ornamentar a sala, trazem prosperidade aos moradores da casa.





                                       

QUAL A DIFERENÇA ENTRE O ARQUITETO E O ENGENHEIRO.


Dúvida bem frequente e causadora de grande confusão, as atribuições do arquiteto e do engenheiro civil, são muitas vezes, confusas, para os que não são dessa área e querem contratar os profissionais certos, para executar projetos e obras de suas casas, escritórios, lojas etc.
Bom, vamos lá!
As diferenças entre esses dois profissionais começa desde a faculdade.
O engenheiro civil tem em sua grade curricular, matérias relacionadas à matemática e física, bem como, cálculo integral( geralmente são três ou quatro, dependendo do estabelecimento de ensino), mecânica, elétrica, resistência dos materiais, mecânica dos solos, cálculo estrutural, química, mecânica dos fluidos, entre outras.
Já o arquiteto, tem uma grade curricular bastante voltada para geometria, representação gráfica e projeto arquitetônico, porém, para surpresa de muitos, que desconhecem essa carreira, também tem em sua  grade curricular, matemática e física, em menos quantidade, que  o engenheiro, porém, o arquiteto também tem que cursar, cálculo integral, resistência dos materiais, topografia, cálculo estrutural, elétrica, etc.
Acontece que, geralmente e quando digo, geralmente, não quer dizer que seja uma constante, o engenheiro fica, em um processo de construção ou reforma, mais voltado para a obra, propriamente dita, enquanto o arquiteto, fica mais direcionado ao projeto de arquitetura, isso é, ele desenvolve todo o procedimento criativo e técnico, de formatação da arquitetura, através das plantas baixas, fachadas, cortes, planta de situação, e demais desenhos técnicos.
Porém, como falei anteriormente, isso nem sempre ocorre exatamente dessa forma. Muitas vezes o arquiteto, também executa a obra e pode ser o responsável técnico por ela.
As atribuições da legislação, relacionadas aos dois profissionais, em parte, são compartilhadas, isso é, ambos os profissionais são considerados habilitados para exercer. A execução de obras, vistoria predial e perícia técnica, são alguns desses casos.
O conselho dos arquitetos e engenheiros até 2012 era o mesmo: CREA( Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura e depois, Conselho Regional de Engenharia e Agronomia).
A partir de 2012, os arquitetos passaram a fazer parte do CAU (Conselho de Arquitetura e Urbanismo).
Espero que tenha elucidado as dúvidas ou pelo menos, parte delas, se quiserem fazer alguma pergunta , é só colocar nos comentários, que responderei assim que for possível.
Até mais.
Arquiteta Sheila.









                                                       





Imagens dos projetos e obras da arquiteta Sheila.



SOBRE A FACULDADE DE ARQUITETURA.

Esse post é dedicado aos postulantes ao vestibular de arquitetura.

Belíssima carreira, porém, como as outras, é preciso vocação e amor!
Aviso, de antemão, que não se trata de um curso nada fácil! É uma mistura, muitíssimo bem dosada, de artes com ciências exatas. O estudo da criação é acompanhado pelo estudo técnico construtivo e pelos cálculos, diferente do que a maioria pensa, de que, a arquitetura, é meramente arte de criar. Definitivamente não é somente isso. É mais!! Muito mais!!
Uma das dúvidas  frequentes e muitas vezes, motivo de desistência da tentativa de ingressar nessa carreira, é o mito de que precisa ser bom desenhista. É um equívoco esse pensamento. É preciso, gostar de desenhar! O desenho de observação, está mais ligado ao curso de Belas Artes e não de arquitetura. O desenho de arquitetura é técnico e de representação gráfica. Porém, esse engano tem um certo fundamento, pois o perfil do desenhista, é necessário também para o arquiteto. Pois, todo desenho requer criatividade e paciência. Durante a faculdade, existe uma cadeira de desenho de observação, onde um objeto é colocado, para o observador copiar. No entanto, não é preciso ser nenhum gênio nessa arte, mesmo porque, os professores orientam e ensinam muitas técnicas para desenvolver um bom traço.
Algumas matérias dadas durante os estudos, parecerão, à primeira vista, sem sentido, porém, é preciso confiar nos professores, eles sabem o que ensinam. Eu mesma, não entendia o porquê da matéria chamada, Plástica. O processo dessa didática era de pegar algum objeto, sem o menor vínculo com a aula, por exemplo, uma caixa de sapatos e criar algo em cima dela e acompanhar depois, com um discurso, uma defesa oral, que fundamentasse aquele projeto. Nossa! Aquilo era um verdadeiro pesadelo para mim! Sempre fui uma pessoa muito embasada na lógica e não conseguia fazer uma "viagem" daquela....Meu Deus, como eu sofria, toda vez que tinha um trabalho dessa matéria!!! Era um pesadelo!! Depois de muito penar, peguei o "espírito da coisa", me deu um insight e comecei a sintonizar no canal daquele aprendizado. Hoje em dia, eu entendo perfeitamente, o quanto era importante, tinha um objetivo muito claro. Não era,  devaneio e nem um delírio dos docentes. Era um treinamento para nosso cérebro ter a capacidade de transformar o "nada" ,em algo belo. Transportando para a vida prática, profissional,  fazendo uma analogia, ser capaz de pegar um terreno vazio e criar uma bela construção. O discurso que precisava acompanhar o projeto, nada mais era, do que  aquele que precisamos arguir aos nossos clientes, para fundamentar nosso projeto e convencê-lo do quanto a ideia é boa.
Portanto, não se enganem, muitos acreditam que faculdade de arquitetura é fácil, "bem mais fácil do que engenharia civil", já ouvi muito esse tipo de comentário e ele não procede. Cursei, antes de arquitetura, três anos de engenharia, seis períodos, posso falar com confiança sobre ambos os cursos e digo que achei muito mais difícil a faculdade de arquitetura, porque além de  ser fundamental  gostar de matemática e física, é preciso ter dom para criar e projetar. É uma faculdade que demanda tempo e dedicação. São horas, dias ou meses, projetando, desenhando plantas de todos os tipos, inclusive aos finais de semana, pois os dias úteis, não são suficientes. Hoje em dia, com o advento da tecnologia e dos softwares, o tempo dedicado, ficou mais otimizado.
Conforme falei no início desse post, é preciso muita vocação e amor pela profissão. Eu transferi meu curso, porque senti falta do projeto na engenharia. Só via cálculo e física, apesar de gostar muito, queria criar, projetar e desenhar. Foi a melhor escolha, pois hoje me considero uma profissional realizada. Eu e a arquitetura fazemos um casamento perfeito. Não me imagino exercendo outra profissão!!
Fazendo um breve resumo sobre o perfil do arquiteto, diria que é necessário ser alguém paciente, criativo, lógico, matemático, detalhista e perfeccionista.
Se você se enquadra nessas características ou em pelo menos, algumas delas, vai em frente, porque existe uma incrível profissão te aguardando!!
Se quiser saber mais sobre arquitetura é só comentar que respondo assim que puder.
Abraços!

Arquiteta Sheila.







PAISAGISMO.


Construindo o paisagismo dessa residência com muita observação.
Percebendo onde cada espécie se encaixa melhor, não somente esteticamente, bem como insolação, que é um fator muito importante. Algumas precisam de sol direto, outras, somente luz.
Kalanchoes, Roseiras, plantas de proteção contra energia negativa, como Espada de São Jorge e Comigo-Ninguém- Pode.
Aproveitando objetos que estavam sem uso e transformando em jardineiras e apoio para vasos. 
Está surgindo e ficando show!!🌸🌷😉😉











DECORAÇÃO DE QUARTOS TEMÁTICOS.

Hoje venho aqui para dar umas dicas de quartos temáticos.  Atualmente estão muito procurados, não somente para as crianças, mas também, a...